quinta-feira, 18 de julho de 2013

O Preço da Privacidade

Sempre falamos sobre a necessidade de não deixar rastros de suas atividades na Internet. Algumas pessoas podem até achar que somos paranóicos, afinal de contas, o que poderia haver de errado no fato de que um site lembre que você esteve por lá? Bem, prepare-se para o que vamos contar.


Como você sabe, a maioria dos sites rastreia os visitantes para otimizar as estratégias de publicidade. Em um mundo perfeito, os consumidores se beneficiariam disso, já que veriam somente propagandas relevantes. Mas o mundo real funciona mais como um mercado medieval onde os vendedores especulam seu nível de interesse e tentam cobrar os preços mais altos.

Sistemas de reservas de hotéis e tickets aéreos usam esquemas complicados de reajustes de preços, que levam em conta uma série de informações obtidas através de S.E.O. e monitoramento de redes sociais.

Os sistemas de reservas de hotéis e tickets aéreos são o exemplo mais óbvio da implementação deste mecanismo. Eles usam esquemas complicados de reajustes de preços, que levam em conta uma série de informações sobre cada visitante, obtidas através de S.E.O. e monitoramento das redes sociais. Baseados em dezenas de fatores, tais sistemas escondem completamente algumas oferta e até mesmo aplicam diferentes formas de pagamento a visitantes específicos. Por exemplo, quando visita um site de reservas desde seu iPad, os hotéis mais caros da categoria selecionada aparecerão primeiro e você terá de passar algum tempo clicando para encontrar opções mais baratas. As mesmas que estariam disponíveis na primeira página de resultados de pesquisa no seu computador Windows.

Além disso estes sistemas acompanham de perto a viagem do usuário e ajustam os resultados de busca em tempo real. Por exemplo, você pesquisou opções de companhias aéreas, considerou a compra em uma  e voltou à opção anterior, é provável que os tickets que tenha visto da primeira vez “não estejam disponíveis neste momento”, mas os bilhetes mais caros ainda estarão alí. Siga nossos conselhos para evitar perdas financeiras deste tipo:

Não tenha pressa. Não clique direto no botão “comprar” quando os sites disserem que são as duas últimas hospedagens ou passagens disponíveis. Eles tentam te fazer tomar uma decisão rápida e impensada. Tire cinco minutos para ligar para hotéis e companhias aéreas, verificar os preços e disponibilidade. Geralmente o telefone de contato está no próprio site de reservas, às vezes fazer essas chamadas é muito rentável, os hotéis podem oferecer um preço mais baixo do que qualquer outro serviço on-line com  ofertas “quentes”.

Sem pressa (parte 2). Quando está procurando tickets aéreos a primeira oferta parece sempre muito convincente. Mas nem sempre é real. Ao tentar comprar este bilhete pode ser que ele esteja repentinamente indisponível ou agregue taxas aeroportuárias extraordinariamente altas. O sistema vai perceber se você planeja uma viagem complicada, com conexões, pernoites e etc e tentará se aproveitar oferecendo voos de conexão mais caros. O custo final pode ser até 50% maior do que o incial.

 Não seja o “mais esperto.” Ofertas especiais são freqüentemente usadas ​​para vender bilhetes e reservas de hotel, que convenham ao site de reserva. Algumas ofertas pouco promovidas, bem lá no fundo dos resultados de pesquisa podem ser melhores. Não se concentre em “oportunidades quentes.” Invista mais tempo explorando outras possibilidades.

As primeiras impressões contam. Na mundo real, os primeiro julgamentos se baseiam em aparência e roupas. Na Internet, o servidor detecta com facilidade em que lugar do mundo você está e qual dispositivo, ou sistema operativo, usa. Se estiver usando um Mac ou iPhone e vive na Europa Ocidental ou nos EUA, provavelmente você ganha muito dinheiro e pode gastar bastante. Tente usar proxys baseados em países “pobres” e navegar através de computadores com Windows, de preferência de modelos antigos.

Anonimato. Sites gastam muito em publicidade e tendem a aumentar a retenção de consumidores, mostrando boas ofertas no início. Se você passar algum tempo navegando, mudar de site e voltar depois, provavelmente significa que as outras opções falharam, razão pela qual os preços podem ser  mais elevados na segunda visita. Use o proxy em modo oculto em seu navegador cada vez que visitar um site de reserva. Isso aumenta suas chances de encontrar a boa oferta de novo.

Pesquisar neste blog